SEJA BEM VINDO ! VOCÊ É O VISITANTE Nº:

quinta-feira, 5 de junho de 2014

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO ABRE CURSOS GRATUITOS ONLINE DE IDIOMAS E PREPARATÓRIO PARA EX-ALUNOS

A partir de agora, todos os ex-alunos que estavam na rede estadual paulista entre os anos de 2007 e 2013 podem se matricular em um dos cursos da Escola Virtual de Programas Educacionais (EVESP). Para acessar a plataforma criada pela Secretaria da Educação, basta informar o registro de aluno (R.A.) utilizado na época de estudante. Só no ano passado, 55 mil jovens tiveram a oportunidade de aprender um idioma no ambiente virtual de aprendizagem.
curso de Inglês Online tem o objetivo de ampliar as chances de inserção no mercado de trabalho com aulas interativas e que reproduzem situações do cotidiano. Os alunos montam a própria grade de horários e são acompanhados por tutores. Sempre que surgir alguma dúvida, esses professores são acionados e oferecem ajuda virtual ou presencial. Para o curso de espanhol, a Secretaria mantém parceria com a Universia Brasil.
As aulas de idiomas são oferecidas gratuitamente para alunos dos Anos Finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio e da Educação de Jovens e Adultos da rede. Mais de 300 mil servidores da Secretaria da Educação e 9,5 mil funcionários do Metrô de São Paulo também têm acesso gratuito ao curso virtual de língua inglesa. Ao final, todos recebem certificado de conclusão.
Além de idioma, a programação da EVESP também está focada na preparação dos alunos para o vestibular. Desde o ano passado, a Escola oferece aos estudantes do Ensino Médio o Cursinho Pré-universitário Online. O conteúdo é interativo e os testes são baseados em questões e temáticas que caíram nos principais vestibulares realizados nos últimos 10 anos, como USP, Unicamp e Unesp.  A ferramenta também disponibiliza no mesmo sistema um simulado preparatório para o Enem.
“A EVESP apresenta aos estudantes um ambiente de aprendizagem complementar e reúne outros serviços para os jovens matriculados nos cursos. Entre eles, uma rede social em que é possível consultar o histórico escolar e acompanhar as etapas do curso.  A interface permite, ainda, que o aluno escolha a aparência do site de acordo com seus gostos pessoais”, afirma o secretário da Educação, professor Herman Voorwald.
Para atender alunos com deficiência auditiva e visual, a Secretaria também desenvolveu plataformas acessíveis. O curso de inglês possui telas com janelas de Libras e descrição de imagem. Já o de Libras Online reproduz com ajuda de avatares em 3D situações do cotidiano - como passeio em shoppings, aulas de educação física, festas - e auxiliam o aprendizado dos participantes.

Fonte: www.educacao.gov.sp.

Nenhum comentário: